Comentário ao artigo “Crise Econômica, a Crise da Economia e o Futuro da Economia Política” de Dimitris Milonakis

Autores

  • Ana Carolina Giuberti UFES

DOI:

https://doi.org/10.18315/argumentum.v3i2.2204

Resumo

Em “Crise Econômica, a Crise da Economia e o Futuro da Economia Política”, Dimitris Milonakis aborda o desenvolvimento do mainstream da ciência econômica no século XX, argumentando como as crises econômicas não alteraram, em última instância, este processo e como o desenvolvimento do mainstream foi dominado pelo processo de matematização, axiomatização e formalização, como bem descreve o autor. Centrada nas hipóteses de agente racional e mercados perfeitos, cujo funcionamento resulta no equilíbrio da economia com plena utilização dos fatores de produção, a teoria econômica atualmente dominante não concebe a existência de crises no funcionamento da economia de mercado, tais como a recente crise econômica deflagrada no sistema financeiro em 2008, não sendo possível, portanto, prever a sua ocorrência, ou mesmo explicá-las após os acontecimentos. E uma vez não previstas, não há recomendações de política econômica para preveni-las ou amenizá-las.


Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2012-02-29

Como Citar

Giuberti, A. C. (2012). Comentário ao artigo “Crise Econômica, a Crise da Economia e o Futuro da Economia Política” de Dimitris Milonakis. Argumentum, 3(2), 36-43. https://doi.org/10.18315/argumentum.v3i2.2204

Edição

Seção

Debate